Imagem de uma mesa de trabalho, com três notebooks, cadernos, canetas e fios, e cinco mãos unidas, com os punhos fechados
(Pixabay)

O ensino bilíngue é uma das tendências da educação nos próximos anos. Diversas pesquisas apontam que viveremos em uma sociedade cada vez mais globalizada. Ela demandará pessoas e profissionais que tenham a habilidade de se comunicar e colaborar com pessoas de outras culturas e países.

No último mês, a International School, empresa de soluções de educação que fornece conteúdo e metodologia de ensino bilíngue para 169 escolas e mais de 45 mil alunos, fez uma parceria com o Canvas, uma das principais plataformas virtuais de aprendizagem do mundo.

Educação personalizada 

O Canvas permite uma customização da plataforma e uma educação mais dinâmica e conectada. Ela promove um engajamento maior dentro da sala de aula. Além disso, desenvolve uma educação com mais sentido e mais próxima. De acordo com Lars Janér, diretor da Instructure para a América Latina, essa é uma plataforma de código aberto especialmente criada para facilitar a vida dos alunos e professores. Com um software intuitivo e que permite maior liberdade de personalizar os conteúdos.

“Procuramos ajudar as instituições a treinar seus professores, capacitar os times internos de treinamento para que todos possam se familiarizar com o ambiente e oferecer recursos multiformato como áudio, vídeo e videoconferência, ferramentas para correção e livestreams, entre outros”, conta Janér. A International School utiliza o Canvas em seu programa de formação continuada para mais de 600 educadores. São 45 horas de formação online e aulas complementares ao longo do ano. Saiba mais sobre a plataforma no site.