Segundo estudo apresentado durante o Canvas Roadshow 2018, evento realizado no último dia 4, na ESPM-SP, 46% dos alunos afirmam falta de tempo e organização para concluir seus cursos. A pesquisa foi realizada pela Instructure. A empresa americana desenvolve softwares para formação acadêmica e treinamento corporativo. O estudo  apontou ainda que para 31,2% dos alunos entrevistados o conteúdo não atendeu às expectativas. 16,9% acreditam que a tecnologia é inadequada e apenas 3,9% relataram não ter recursos para pagar pelo curso.

No primeiro evento da turnê brasileira, os especialistas discutiram o impacto da tecnologia no ensino a distância e no painel de Direito e Regulação no Ensino a Distância. O grupo Ser Educacional trouxe especialmente para esta ocasião a pesquisa elaborada pela FGV sobre os principais motivos de evasão estudantil dos cursos de EAD. A pesquisa foi realizada com 444 estudantes entre 26 e 35 anos de idade.

O estudo foi a base da discussão dos participantes sobre o evento e terminou com uma mesa redonda sobre o assunto. O professor doutor Paulo Chanan, diretor de Regulação e promotor institucional do grupo, acrescentou aos dados que o principal fator de desistência dos cursos está relacionado ao interesse e consequentes prioridades. “É necessário desenvolver conteúdo interessante para atrair e manter os alunos, o ensino à distância que não tem conteúdo interessante acabará como segunda opção das escolhas daqueles que estudam”.

Foto de palestrantes no palco do evento que debateu a evasão de cursos EAD Maurício Pimentel, Gabriela Cristiane Freire de Sá, Gislene Eimantas e Paulo Chanan
(Crédito:Divulgação)

Tecnologia é apoio para combater evasão

Para Lars Janér, diretor da Instructure para a América Latina, inovação e tecnologia são ferramentas para reduzir a evasão de cursos de EAD. “Se não cabe a nós criar metodologias de estudo, temos que fornecer os meios para que isso aconteça”, notando que o Canvas, uma plataforma de ambiente virtual de aprendizagem (LMS), fornece às instituições educacionais a liberdade de personalizar e fornecer extensa gama de conteúdo.

Ele também afirma que com essa plataforma, o aluno pode acompanhar seu progresso, planejar seus estudos e a instituição pode melhorar o conteúdo mantendo atualizado. Assim, cria-se engajamento e usando em multiformatos – como vídeo, podcasts, livestreams. Muito fácil de subir e consumir conteúdo, algo que outros softwares não permitem que você faça.

 

O Canvas Roadshow 2018 estará em Campinas, Salvador, Belo Horizonte e Curitiba.  Na América Latina, a caravana de Canvas estará presente em Bogotá (Colômbia), Lima (Peru) e Santiago (Chile).