A Prefeitura do Rio dará o nome de Marielle Franco a uma escola que será inaugurada nos próximos meses em Guaratiba, na zona oeste do Rio de Janeiro. O anúncio foi feito por Marcelo Crivella, na manhã desta quinta-feira (15), durante visita a uma unidade municipal.

A parlamentar foi assassinada na noite desta quarta-feira (14) no Estácio, zona norte da cidade. Além da vereadora Marielle Franco, o motorista Anderson Gomes também foi atingido e morreu no local. A principal linha de investigação adotada pela DH/Capital (Divisão de Homicídios) é execução.

O crime repercutiu na imprensa internacional e chocou a população fluminense. Antes de iniciar as visitas nas escolas municipais, Marcelo Crivella pediu um minuto de silêncio em homenagem à vereadora morta.

— Estamos todos horrorizados, todos nós repudiamos o homicídio brutal que sofreu a nossa Marielle Franco. Ela vai ser homenageada pela Prefeitura, vamos dar o nome dela a uma escola que está sendo concluída, em quatro meses vai estar pronta, em Pedra de Guaratiba, mostrando a seus assassinos que eles não foram capazes de apagar o nome dela da História do Rio de Janeiro — afirmou Crivella.

A Prefeitura do Rio decretou luto oficial de três dias pela morte da parlamentar. A escola que terá o nome de Marielle está com cerca de 70% das obras concluídas e abrirá vaga para mais mil alunos na rede pública municipal. Outras três unidades do complexo escolar da Estrada do Magarça, em Pedra de Guaratiba, também passarão por reforma e ficarão como novas.

Investimento em escolas

O evento no Palácio da Cidade tinha por objetivo o anúncio de investimentos de R$ 200 milhões na rede municipal de ensino. Os recursos são oriundos de um empréstimo com a Caixa Econômica Federal, segundo informou a Prefeitura do Rio.

O valor será usado para reformar 128 escolas e construir onze novas unidades. Com o dinheiro, serão compradas também 41 mil peças de conjunto mobiliário (mesas, cadeiras, quadros e outros) e instalados aparelhos de ar-condicionado em 100% das escolas da rede. Também haverá melhorias na rede de internet das escolas.

— Ao longo de 2018, a rede municipal de educação vai dar um salto de qualidade na infra-estrutura das escolas — destacou o secretário municipal de Educação, Cesar Benjamin.

matéria publicada pelo R7