Imagem de fundo roxo com o texto "89% dos brasileiros acreditam que a má qualidade do ensino prejudica o desenvolvimento do país"

No mês passado, o Todos Pela Educação e a CNI lançaram uma pesquisa chamada Retratos da Sociedade Brasileira – Educação Básica. Ela levantou a opinião de 2.000 brasileiros sobre a qualidade da Educação; os efeitos da qualidade da educação para o desenvolvimento do país e em temas como violência e corrupção; a atuação dos professores e das condições das escolas e as medidas necessárias para melhorar a qualidade.

Em 2013, por exemplo, metade da população classificava a Educação Básica pública como “ótima” ou “boa”. Já em 2017, esse número caiu para 34%. Outra comparação: em 2010, 13% achavam que os alunos saíam do Ensino Fundamental e do Médio despreparados para a etapa escolar seguinte; três anos depois, essa porcentagem foi para 17%; em 2017, já chegava aos 22%. Na visão do Caindo no Brasil, esses números podem indicar uma maior preocupação e maior envolvimento da população com a educação. 

Educação e desenvolvimento

A partir disso, eles também exploraram a relação da educação com o desenvolvimento do país. Por isso, eles desenvolveram a pesquisa Relação Educação e desenvolvimento de país”. Ela explora o entendimento dos brasileiros sobre essa conexão, e revela também que quanto maior o grau de escolaridade da pessoa, mais ela percebe a importância da Educação para o que o Brasil se desenvolva. Acesse o link para saber mais!